15 de fev de 2012

Saudade

foto: patriciametola.blogspot.com
.

       Já era noite. Ela estava na cozinha preparando o jantar. Em sua alma cantava a esperança de tudo iria se acalmar... A saudade não a calou e, dentro de si, recordou todas aquelas alegrias pequenininhas e diárias que envolvem sua vida.
E, por um instante, pensou que eles estivessem ali.
.
.
(... a saudade que traz a lembrança viva daqueles que amamos e carregamos, com carinho, dentro do coração.)
.
.
.Polyana Zavariz

2 comentários:

Joselito de Souza Bertoglio disse...

muito bom sentir teus textos, são muito suaves de se ler, parabéns pelo belo blog, já estou seguindo e voltarei mais vezes, eu escrevo alguns versos e te convido pra fazer uma visita http://joselito-expressoesdaalma.blogspot.com ficaria feliz com a sua visita ao meu humilde espaço

Polyana Zavariz disse...

Obrigada...
Bem vindo!