26 de jun de 2012

Releituras I

.
.
 Bem no íntimo, a música acalma o coração que se encontra aflito. Saudade sentida por por amá-lo tanto. Sentimentos que as palavras não sabem expressar com exatidão ou clareza. Coração silenciado pela força das circunstâncias. Lágrimas que caem dos olhos e lavam a alma. E que são orações feitas ao Bom Deus, rogando que Ele tenha compaixão e misericórdia e, intervenha nessa situação, pois aquele coração sabe que é a fé que nos sustenta e impulsiona a seguir firme - e de pé. Porque o amor daquela filha para com seu pai não tem explicação.
.
Polyana Zavariz

21 de jun de 2012

dos espaços

.
.

"Posso até ser limitada do lado de fora, mas                     minhas recordações não me deixam mentir:                        aqui dentro o espaço é imenso."

(Fernanda Gaona)

17 de jun de 2012

O olhar

.
O olhar precisa mirar o Céu. A inclinação do coração deve ser para o alto. Meus olhos precisam voltar a olhar para Deus, e para que isto aconteça, é preciso exercitar a vontade. Ou seja, está intimamente ligado ao querer.
.
A Palavra de Deus nos ensina: "...buscai as coisas lá do alto, onde Cristo está sentado à direita de Deus. Afeiçoai-vos às coisas lá de cima, e não às da terra" (Colossenses 3, 1b-2). 
.
Os desejos do meu coração precisam querer buscar aquilo que é desejo do coração de Deus, pois a felicidade está na realização da vontade plena do Pai. Porém, em nosso pobre coração pode surgir um questionamento: E como é que eu descubro o querer Dele para a minha vida?   É preciso observar os acontecimentos.
,
A vida vai confirmar ou não o que busca o coração. Deus vai colocar pessoas e situações que vão contribuir, para chegar a um discernimento. Porém, diante dos acontecimentos, o mais importante é a nossa obediência na vontade de Deus - mesmo que esta seja diferente da minha. 
.
De modo concreto, há uma condição que nos orienta: a oração. Pois é a intimidade com Deus que deve ser o combustível para guiar-nos ao Céu e nos conduzirá na espera, para Dele receber o auxílio, a ajuda adequada para cada situação. 
.
É através da oração que o coração se tornará cada vez mais próximo ao Senhor, sendo dócil à Ele. por meio dela é que nosso olhar torna-se purificado e mais disposto a ver a vida com calma. E como bem nos ensina São Padre Pio de Pietrelcina, a obediência a Deus é capaz de produzir bons frutos...
.
Deus nos dê a graça de ter um olhar parecido com o Seu olhar, e que sejamos luzes a iluminar o mundo... Paz e bem.
.
Polyana Zavariz.

13 de jun de 2012

.
.
"...Dizem que tudo o que buscamos, também nos busca e,
se ficarmos quietos, o que buscamos nos encontrará..."

7 de jun de 2012

Confecção de tapetes de CORPUS CHRISTI em Marilândia - ES:






















Tapete do Grupo de Oração "Maria Imaculada".

.
.
.
Movimentos, Pastorais e Equipes de Canto da Paróquia, fábricas, comerciantes de vários segmentos, prefeitura, escolas e comunidades participaram da confecção dos tapetes, fazendo sua homenagem à Jesus Eucarístico.

Origem da festa de Corpus Christi*


Eucarista: Corpo e Sangue de Jesus
.
.
Todos os católicos reconhecem o valor da Eucaristia. Podemos encontrar vários testemunhos da crença da real presença de Jesus no Pão e no Vinho consagrados na Santa Missa desde os primórdios da Igreja.

Mas, certa vez, no século VIII, na freguesia de Lanciano (Itália), um dos monges de São Basílio foi tomado de grande descrença e duvidou da presença de Cristo na Eucaristia. Para seu espanto, e para benefício de toda a humanidade, na mesma hora a Hóstia consagrada transformou-se em Carne e o Vinho consagrado transformou-se em Sangue. Esse milagre tornou-se objeto de muitas pesquisas e estudos nos séculos seguintes, mas o estudo mais sério foi feito em nossa era, entre 1970/71, e revelou ao mundo resultados impressionantes:

A Carne e o Sangue continuam frescos e incorruptos, como se tivessem sido recolhidos no presente dia, apesar dos doze séculos transcorridos. O Sangue encontra-se coagulado externamente em cinco partes; internamente ele continua líquido. Cada porção coagulada de sangue possui tamanhos diferentes, mas todas possuem exatamente o mesmo peso, não importando se pesadas juntas, combinadas ou separadas. São Carne e Sangue humanos, ambos do grupo sanguíneo AB, raro na população do mundo, mas característico de 95% dos judeus. Todas as células e glóbulos continuam vivos. A Carne pertence ao miocárdio, que se encontra no coração (e este órgão sempre foi símbolo de amor!).


Mesmo com esse milagre, entre os séculos IX e XIII surgiram grandes controvérsias sobre a presença real de Cristo na Eucaristia. Alguns afirmavam que a ceia se tratava apenas de um memorial que simbolizava a presença de Cristo. Foi somente em junho de 1246 que a festa de Corpus Christi foi instituída, após vários apelos de Santa Juliana, cujas visões solicitavam a instituição de uma festa em honra ao Santíssimo Sacramento. Em outubro de 1264 o Papa Urbano IV estendeu a solenidade para toda a Igreja. Nessa celebração religiosa, o maior dos sacramentos deixados à Igreja mostra a sua realidade: a Redenção.

A Eucaristia é o memorial sempre novo e sempre vivo dos sofrimentos de Nosso Senhor Jesus Cristo por nós. Mesmo separando Seu Corpo e Seu Sangue, Jesus se conserva por inteiro em cada uma das espécies. É pela Eucaristia, especialmente pelo Pão, sinal do alimento que fortifica a alma, que tomamos parte na vida divina, nos unindo a Cristo e, por Ele, ao Pai, no amor do Espírito Santo. Essa antecipação da vida divina aqui, na Terra, mostra-nos claramente a vida que receberemos no Céu, quando nos for apresentado, sem véus, o banquete da eternidade.

O centro da Celebração Eucarística será sempre a Eucaristia e, por ela, o melhor e o mais eficaz meio de participação no divino ofício. Aumentando a nossa devoção ao Corpo e Sangue de Jesus, como Ele próprio estabeleceu, alcançaremos mais facilmente os frutos da Redenção!


*Felipe Aquino
felipeaquino@cancaonova.com


Prof. Felipe Aquino @pfelipeaquino, é casado, 5 filhos, doutor em Física pela UNESP. É membro do Conselho Diretor da Fundação João Paulo II. Participa de aprofundamentos no país e no exterior, escreveu mais de 60 livros e apresenta dois programas semanais na TV Canção Nova: "Escola da Fé" e "Pergunte e Responderemos". Saiba mais em Blog do Professor Felipe Site do autor: www.cleofas.com.br




07/06/2012 
fonte: http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao/internas.php?id=&e=12810